Mostrando postagens classificadas por relevância para a consulta Áustria. Ordenar por data Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens classificadas por relevância para a consulta Áustria. Ordenar por data Mostrar todas as postagens

21 de dez. de 2018

Governo austríaco anuncia planos para negar automaticamente asilo a todos os imigrantes ilegais que chegam à Europa com a ajuda de contrabandistas

O ministro do Interior da Áustria, Herbert Kickl



Daily Mail, 20 de dezembro de 2018 






Todos os migrantes que chegam à Europa com a ajuda de traficantes de seres humanos serão automaticamente negados asilo na Áustria, sob novos planos revelados pelo seu ministro do Interior hoje. 

O ministro do Interior da Áustria, Herbert Kickl, membro do Partido da Liberdade da Áustria (FPO), disse que seus planos visam punir os migrantes que usam contrabandistas e que terão sua aprovação de asilo automaticamente negada. 

Kickl disse à mídia local que espera que as leis austríacas sejam emendadas para permitir essa disposição política e que a posição de imigração da Áustria “deve seguir nessa direção”. 

8 de jun. de 2018

Áustria fecha mesquitas financiadas pelo “Islã político” da Turquia




Epoch Times, 08 de junho de 2018 



Na Áustria vivem cerca de meio milhão de muçulmanos, o equivalente a 6% da população

O chanceler austríaco Sebastian Kurz e o ministro do interior, Herbert Kickl, anunciaram o fechamento de sete mesquitas e a expulsão de seus líderes imãs do país.

Essas pessoas foram acusadas de financiamento estrangeiro ilícito por parte da Associação ATIB, ligada ao partido AKP do presidente turco Tayyip Erdogan, ato que viola as leis austríacas.

7 de jul. de 2017

Áustria – “Motivação islâmica” atribuída ao suspeito de assassinar um casal de idosos na Áustria




The Local At, 06 de julho de 2017 



O ministro do Interior da Áustria, Wolfgang Sobotka, disse que um homem tunisiano suspeito de assassinar um casal em sua casa em Linz, na Áustria, pode ter agido por motivação islâmica. 

Se confirmado, os assassinatos de sexta-feira na cidade do norte de Linz – no qual a garganta de uma mulher de 85 anos foi cortada e seu marido de 87 anos esfaqueado e espancado até à morte – será o primeiro ataque islâmico na Áustria, que tem até agora evitado ataques jihadistas vistos em outros lugares da Europa. 

Os assassinatos “tiveram claramente uma base islâmica”, disse Sobotka em uma coletiva de imprensa em Viena na quarta-feira, acrescentando que o suspeito de 54 anos, que se entregou à polícia, “é claramente um muçulmano radicalizado”. 

13 de set. de 2016

Áustria – grupo de hackers turcos visam o Banco Nacional da Áustria

Banco Nacional da Áustria edifício, Viena.


The Local AT, 13 de setembro de 2016. 



Um grupo de hackers turcos teriam tentado invadir o Banco Nacional da Áustria depois de supostamente estarem por trás de uma tentativa de ataque cibernético no aeroporto de Viena há duas semanas. 

O coletivo de hackers, que usa o nome de Aslan Neferler, disse que os ataques cibernéticos contra instituições austríacas são uma forma de vingança por uma “posição política anti-turca” da Áustria. 

Eles reivindicaram a responsabilidade por dois dos ataques na sexta-feira à noite, quando a maioria dos técnicos de TI não estavam trabalhando. Através do envio de cinco milhões de e-mails por minuto os atacantes tentaram obstruir o servidor do banco. Christian Gutlederer, o porta-voz do Banco Nacional da Áustria disse: “O nosso site estava temporariamente indisponível. Os hackers não tiveram qualquer acesso aos nossos dados mais sensíveis.”.

26 de mai. de 2016

A Epidemia de Estupros Cometida por Migrantes Chega a Áustria

Gatestone, 26 de Maio de 2016.






  • Um candidato a asilo de 20 anos de idade, do Iraque, confessou ter estuprado um menino de dez anos em uma piscina pública em Viena. O iraquiano alegou que se tratava de uma "emergência sexual" resultante de "excesso de energia sexual".
  • Aqueles que ousam vincular a escalada vertiginosa da criminalidade à migração muçulmana em massa estão sendo silenciados pelos guardiões do multiculturalismo austríaco.
  • De acordo com os levantamentos compilados pelo Ministério do Interior da Áustria, cerca de um em cada três candidatos a asilo em Viena foi acusado de cometer crimes em 2015. As gangues norte-africanas que disputam o controle do tráfico de drogas foram responsáveis, a grosso modo, pela metade dos 15.828 crimes violentos — estupros, roubos, facadas e ataques — registrados na cidade durante o ano de 2015.
  • A Áustria recebeu 90.000 candidatos a asilo em 2015, o que a coloca em segundo lugar, per capita, em número de ingressos na União Européia, mas isso não é nada se comparado ao que está por vir. O Ministro do Interior Wolfgang Sobotka alertou no mês passado que pode chegar a um milhão o número de migrantes prestes a atravessarem o Mar Mediterrâneo da Líbia para a Europa.

O brutal estupro coletivo de uma mulher, cometido por três candidatos a asilo do Afeganistão no centro de Viena em 22 de abril, chocou a população austríaca e chamou a atenção para a escalada de estupros, abusos sexuais envolvendo migrantes e outros crimes ao redor do país.

9 de nov. de 2018

Áustria acusa Rússia de espionagem [de novo]




Euronews, 09 de novembro de 2018 



É o agudizar das tensões diplomáticas entre a Rússia e os parceiros ocidentais.

Esta sexta-feira o chanceler austríaco, Sebastian Kurz, informou que um antigo coronel do exército foi detido, acusado de ter espionado o país, por mais de duas décadas, a mando dos serviços secretos russos.

O Kremlin negou as acusações e convocou o embaixador austríaco em Moscovo para averiguações.

O chefe da diplomacia russa lamentou que a Áustria não siga as condutas diplomáticas tradicionais.

25 de jan. de 2017

Áustria – “menino de 12 anos de idade” parte de uma célula terrorista islâmica austríaca

A polícia armada C.O.B.R.A esteve envolvida nas operações



The Local AT, 23 de janeiro de 2017. 



Um jovem de menos de 14 anos foi identificado como parte de uma rede de extremistas islâmicos suspeita em Viena, segundo as autoridades austríacas. 

Ele não foi mantido preso porque não tem idade o suficiente para ser julgado em um tribunal, mas foi detido e está sendo interrogado. Relata o jornal Krone sobre o menino aparentando ter apenas 12 anos, embora a polícia não confirme a sua idade exata.

As investigações sobre um suspeito de terrorismo de 17 anos preso em Viena na sexta-feira continuam –, mas em uma coletiva de imprensa nessa segunda-feira a polícia não daria detalhes concretos do que descobriram até agora. Eles disseram que o rapaz envolvido tinha sido "radicalizado" por um “pregador de ódio” que era um contato próximo do jovem de 17 anos. 

23 de ago. de 2016

Áustria – casos de abuso sexual devem dobrar comparado aos do ano passado

Policiais austríacos armados



The Local AT, 22 de agosto de 2016. 



A quantidade de acusações criminais por ataques sexuais na Áustria deverá duplicar em comparação com os dados dos anos anteriores. 

Até agora, 886 acusações criminais até o final de julho foram contabilizadas pelo Ministério Público, enquanto no ano passado se viu 1.097 casos ao longo de todo o ano. 

Também a quantidade de processos em que as pessoas foram entregues deve atingir níveis recordes. No ano passado, houve um número de 246 processos na Áustria, enquanto este ano já até o final de maio 242 incidentes foram contados. 

Jornais austríacos relataram que os aumentos dos crimes sexuais geralmente podem ser atribuídos a um aumento da consciência pública após os ataques sexuais de Ano Novo em Colônia, Alemanha. [Ênfase minha]

11 de jan. de 2017

Refugiados afegãos que receberam € 87,000 em benefícios fingindo ser menores imigrantes são presos

Migrantes da Síria e do Afeganistão na fronteira da Áustria com a Alemanha




Express UK, 11 de janeiro de 2017. 



Por Jon Rogers



Um grupo de refugiados afegãos fingiu ser crianças para gastar desconcertantes benefícios de € 87.000. 

Os três imigrantes foram presos com pena de cinco meses por fornecerem falsas informações às autoridades austríacas depois de mentir sobre a sua idade. 

Os três homens enganaram o estado e obtiveram mais de € 100.000 em benefícios de seguro de saúde, cuidados básicos, bolsa de estudos e curso de língua alemã. 

7 de dez. de 2017

Áustria – país de maioria católica prestes a legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo




The Christian Post, 06 de dezembro de 2017.






O Tribunal Constitucional da Áustria anunciou que o casamento gay será legalizado no país de maioria católica a partir de 2019, argumentando que a lei tradicional do casamento é “discriminatória”. 

A Deutsche Welle informou que, na decisão de terça-feira, o tribunal disse que, embora os casais homossexuais já tenham essencialmente os mesmos direitos que os casados, tendo sido autorizados a entrar em parcerias registradas desde 2010, “a distinção entre casamento e parceria registrada... não pode ser mantida nos dias atuais sem discriminar os casais do mesmo sexo”. 

9 de set. de 2018

Áustria – o governo austríaco tentará restabelecer a confiança dos aliados ocidentais após nítida aproximação de governistas com a Rússia

O ministro do Interior da Áustria, Herbert Kickl.



The Local At, 08 de setembro de 2018 



A Áustria teve que tomar “medidas de construção de confiança” para manter a cooperação com os serviços secretos aliados, disse seu ministro do Interior na sexta-feira, em um interrogatório sobre as invasões do governo à agência de inteligência interna do país. 

O ministro do Interior, Herbert Kickl, do Partido da Liberdade da Áustria (FPO) disse ao parlamento que a Áustria deve explicar ou enfrentar a suspensão do chamado Bern Club, um fórum de compartilhamento de informações entre estados-membros da União Europeia. 

28 de out. de 2016

Áustria – mulher terrorista suspeita de planejar ataque com o marido é presa




The Local AT, 28 de outubro de 2016. 



A polícia prendeu a esposa de um checheno terrorista islâmico logo depois de tê-lo prendido em setembro, quando foram encontradas evidências de que os dois estavam planejando um ataque suicida no Ministério da Defesa da Áustria. 

Depois que o homem de 25 anos de idade, conhecido somente como Adam A, foi preso por furto a polícia nos últimos meses examinou seu telefone celular e encontrou propaganda do Estado Islâmico (ISIS) em vídeos de decapitações, e instruções para fabricação de bombas e coquetéis molotov. 

O homem de nacionalidade russa, com conexões belgas, é suspeito de ter criado as operações em apoio ao Estado Islâmico, e de baixar instruções de como fazer uma bomba, e de enviar grandes somas de dinheiro para o exterior. 

19 de ago. de 2016

Áustria – mais protestos curdos planejados em Viena

protesto curdo no centro de Viena.



The Local AT, 19 de agosto de 2016. 



Outra manifestação curda está programada para acontecer em Viena no sábado, uma semana depois que turcos e curdos entraram em confronto na cidade em protestos rivais. 

Residentes curdos da capital austríaca de Viena se reúnem todos os sábados no centro da cidade para chamar a atenção para a situação de seu povo na Turquia. 

Mas turcos austríacos foram recentemente para as ruas para encenar protestos rivais ao mesmo tempo na mesma cidade, na praça Stephansplatz. 

29 de nov. de 2016

Áustria em busca do "efeito Trump"





Euronews, 29 de novembro de 2016.



Por Dulce Dias.



A Áustria, que este domingo vota novamente para escolher o futuro presidente, está de olhos postos na América de Donald Trump.

Os austríacos estão divididos entre o partido anti-imigração de Norbert Hofer, o FPÖ – Partido para a Liberdade da Áustria, e a visão liberal e ecologista de Alexander Van der Bellen.

Os apoiantes de um e do outro candidato esgrimem argumentos.

22 de mai. de 2016

Áustria espera veredicto do voto postal para conhecer presidente





DN, 22 de maio de 2016.




Por Abel Coelho de Morais. 



Contagem de votos pelo correio é decisiva: 900 mil eleitores vão determinar o nome do futuro chefe de Estado. Candidato de extrema-direita teve 1 937 863 votos. Ecologista alcançou 1 793 857.

Norbert Hofer, candidato do Partido da Liberdade (FPÖ, extrema-direita), surgia ontem à frente na segunda volta das presidenciais austríacas com 51,9% dos votos, enquanto Alexander Van der Bellen, do partido Os Verdes, recolhia 48,1%, números que não permitam declarar a vitória do primeiro, devido à existência de um universo de 900 mil eleitores que fizeram a sua opção através do voto postal. Os resultados da contagem deste só hoje serão divulgados.

7 de mai. de 2016

Fechar túnel Áustria-Itália "seria catástrofe política", avisa Juncker




DN, 07 de maio de 2016.




Por Patrícia Viegas.



Presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, juntou-se a Angela Merkel e Matteo Renzi nas críticas à ideia do governo austríaco para travar passagem de ilegais pelo túnel de Brenner

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, pensa que "seria uma catástrofe política" o encerramento da fronteira entre a Áustria e a Itália, com o objetivo de impedir a passagem de migrantes pelo túnel de Brenner - local onde ontem cerca de 600 pessoas se manifestaram contra a ideia do governo austríaco.

31 de out. de 2018

Áustria abandona pacto das Nações Unidas para as migrações

Sebastian Kurz


DN, 31 de outubro de 2018 



Depois da Hungria, Viena deixa o Pacto Mundial das Nações Unidas para os Migrantes e Refugiados, que foi aprovado em julho por todos os países da ONU à exceção dos EUA, será homologado em dezembro.

A Áustria vai seguir o exemplo dos Estados Unidos e da Hungria e vai abandonar o acordo das Nações Unidas para as migrações, anunciou nesta quarta-feira o chanceler conservador Sebastian Kurz, que governa o país numa coligação com o partido de extrema-direita FPÖ, avança a Reuters.

30 de dez. de 2016

A Áustria vai tentar aliviar as sanções da Rússia durante a presidência da OSCE em 2017

Sebastian Kurz



UNIAN, 30 de dezembro de 2016. 



O governo austríaco pretende reduzir as sanções da União Europeia contra a Rússia, de acordo com o ministro do Exterior do país, Sebastian Kurz, informa o jornal alemão Spiegel. 

A partir de janeiro de 2017, a Áustria será presidente da OSCE, e pretende buscar através da organização uma mudança na política de sanções da União Europeia em relação à Rússia, diz o ministro das Relações Exteriores da Áustria, Sebastian Kurz, disse o Spiegel

Devemos restabelecer a confiança aqui na Europa e mudar a forma de aplicação das sanções e o sistema de penalidades para uma que crie um sistema de incentivos”, disse Kurz. 

12 de mai. de 2017

Europa: Mais Migrantes Chegando

Gatestone, 12 de maio de 2017.



Por Soeren Kern



  • "Considerando a ordem pública e a segurança interna, eu simplesmente preciso saber quem está vindo para o nosso país", Ministro do Interior Austríaco Wolfgang Sobotka.
  • A Turquia parece determinada a inundar a Europa com migrantes, qualquer que seja a situação: com a permissão da Europa por meio da livre movimentação, isenta de vistos ou então sem a permissão da Europa, como retribuição por não terem providenciado a isenção de vistos.
  • A maioria esmagadora dos migrantes que aportam na Itália é de migrantes econômicos em busca de uma vida melhor na Europa. Aparentemente apenas um número muito reduzido é realmente formado de candidatos a asilo legítimos ou refugiados de zonas de guerra.
  • O diretor do Escritório das Nações Unidas em Genebra, Michael Møller, alertou que a Europa deve se preparar para a chegada de milhões de migrantes da África, Ásia e Oriente Médio.

A União Europeia instou seus estados membros a levantarem o controle de fronteiras - introduzido no auge da crise migratória em Setembro de 2015 - nos próximos seis meses.

A volta das fronteiras abertas, o que permitiria a livre movimentação sem necessidade de passaporte por toda a UE, surge justamente quando o número de migrantes que estão atravessando o Mediterrâneo continua aumentando e quando as autoridades turcas estão ameaçando voltar atrás no tocante às fronteiras, que diminuiu o fluxo de migrantes da Turquia para a Europa.

22 de set. de 2016

Áustria – eleições austríacas definidas para ocorrerem no início de dezembro, depois de ‘gluegate’

edifício do parlamento austríaco. 



The Local AT, 21 de setembro de 2016. 



O Parlamento da Áustria aprovou para 04 de dezembro a data das novas eleições presidenciais, por conta da corrida eleitoral anterior alvo de um escândalo, o que poderá também ser o início de uma dor de cabeça a União Europeia, caso a “extrema-direita” ganhe. 

Inicialmente prevista para 02 de outubro, o governo foi forçado a adiar a votação depois que verificou-se que cola em envelopes de voto por correspondência não estava pegajosa o suficiente, o que significa que as cédulas poderiam ser adulteradas. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...