7 de mar de 2019

Os Estados Unidos sancionarão entidades estrangeiras que financiem ao ditador Maduro



NTN24, 07 de março de 2019 




Os Estados Unidos anunciaram que revogará os vistos de 77 venezuelanos próximos a Maduro, elevando para mais de 250 as proibições de vistos nos últimos anos. 

Os Estados Unidos tomarão medidas punitivas contra organizações estrangeiras que ajudem a financiar o regime de Nicolás Maduro, segundo a agência de notícias AFP. 

A decisão, anunciada pelo conselheiro de segurança nacional do presidente Donald Trump, John Bolton, é parte da tática de Washington para forçar Maduro a deixar o poder. 

Os Estados Unidos apoiam fortemente a transição democrática na Venezuela, liderada pelo presidente interino Juan Guiadó e pela Assembleia Nacional, e a realização de novas iniciativas diplomáticas e econômicas para apoiar essa transição”, disse Bolton em um comunicado. 

Washington “vai colocar em alerta as instituições financeiras estrangeiras que enfrentam sanções por participar na facilitação de transações ilegais que beneficiem Nicolás Maduro e sua rede corrupta. Nós não permitiremos que Maduro continue roubando a riqueza do povo venezuelano”, disse ele. 

Desde 2015, Washington sancionou dezenas de autoridades e ex-oficiais venezuelanos, incluindo o próprio Maduro, acusando-os de violações dos direitos humanos, corrupção e tráfico de drogas. Além disso, também aplicou um embargo ao petróleo da Venezuela, crucial para sua economia, que entrará em vigor em 28 de abril. 

Artigos recomendados: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...