11 de mai de 2019

Coração do feto bate? Então, aborto proibido! Nova lei nos EUA





Alateia, 10 de maio de 2019 




Mas promotores do aborto já se articulam para tentar derrubá-la

Brian Kemp, governador do Estado norte-americano da Geórgia, promulgou uma lei que proíbe o aborto em qualquer caso no qual se detecte o batimento cardíaco do bebê em gestação.

No momento, o aborto é legal na Geórgia até a 20ª semana e passará a ser permitido até a 6ª, desde que não se detectem as batidas do coração. Não é uma eliminação total do extermínio legalizado de bebês indefesos, mas, ao menos, trata-se de uma etapa relevante na defesa da vida.


O governador comentou:

“Nós nos levantamos e falamos por aqueles que não podem falar por si mesmos. A Lei da Vida é muito simples, mas também muito poderosa. É uma afirmação de que toda vida tem valor, de que toda vida importa, de que toda vida merece ser protegida”.

Opositores reagem

Assinada em 7 de maio, a nova lei deve entrar em vigor a partir de 1º de janeiro, mas os promotores do aborto já se mobilizam para derrubá-la.

O grupo American Civil Liberties Union avisou que vai lutar legalmente contra ela.

A atriz Alyssa Milano, da série “Who’s the boss?“, ameaçou boicotar a indústria cinematográfica e televisiva do Estado da Geórgia se a lei estadual fosse promulgada.

“Caso o projeto H.B. 481 se transforme em lei, nós não podemos, em boa consciência, continuar recomendando à indústria que fique na Geórgia”.

No entanto, a ameaça ainda não se realizou e continua em pé a programação de filmes e atrações de TV a serem filmados na Geórgia ao longo dos próximos meses.

Artigos recomendados: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...