10 de ago de 2016

Suécia – quão difícil é comprar uma granada de mão em Malmo?





Speisa, 09 de agosto de 2016. 



Um jornalista do jornal sueco Sydsvenskan tentou comprar uma granada de mão em Malmo, para ver como é fácil se apossar de tais armas na cidade. 

Ele acabou comprovando que é muito fácil. 

Ele só levou 10 minutos para encontrar alguém que estava disposto a vender-lhe uma granada de mão. O preço foi de SEK 1.200 (US $ 140) e seria entregue no mesmo dia. 

Mas depois de revelar que ele era um jornalista que estava à procura de uma entrevista, além da granada, o vendedor entrou em pânico e se recusou a fazer um negócio com ele. 

No entanto, se você estiver com uma necessidade urgente de explodir algo ou alguém, também poderá comprar granadas online, em seguida, levará cerca de uma semana para obter as granadas em segurança em casa pelo correio, escreve o jornal. 


Na verdade ele estabelece em detalhes como adquirir armas através da internet, como o terrorista de Munique fez. O próximo provavelmente seria a publicação de um artigo “faça sua própria bomba”.

Desde 2014, pelo menos 26 granadas de mão explodiram em Skane, muitas delas em Malmo. Granadas de mão também foram encontradas ao ar livre ou escondidas em porões em casas. 

Granadas de mão tornaram-se um problema crescente na cidade sueca. A maioria delas vêm da ex-Jugoslávia.

“É pura sorte que não há muitos feridos, dado ao poder explosivo contido em uma granada de mão,” diz Annete Bergstrand, analista da polícia de Malmo. 

Mas, apesar do mínimo de esforço do jornalista para encontrar alguém disposto a vender-lhe uma granada de mão, a polícia está completamente ignorante sobre quem as vende. Eles estão muito ocupados perseguindo um incidente após o outro, e provavelmente não têm muitos recursos para investiga-los, na cidade sul multicultural e não tão tranquila. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário