29 de set. de 2022

Bruce Willis ainda pode aparecer em filmes depois de vender seu Gêmeo Digital para empresa de deepfake comercial




DM, 27/09/2022 



Por Cassie Carpenter 



Bruce Willis, duas vezes vencedor do Emmy, ainda pode aparecer em filmes depois de vender seus direitos de imagem à Deepcake, uma empresa com sede em Delaware fundada pela CEO nascida na Ucrânia, Maria Chmir, no ano passado, antes de seu diagnóstico de afasia.

Engenheiros da plataforma web de otimização de conteúdo com inteligência artificial criaram um 'gêmeo digital' ultrarrealista em 4K do homem de 67 anos, nascido na Alemanha e criado em Nova Jersey, inserindo imagens de 34K de seu rosto em sua rede neural.

Em agosto de 2021, o gêmeo de Bruce fez sua estreia ao ter seu rosto 'enxertado' no substituto Konstantin Solovyov para um comercial da gigante russa de telecomunicações MegaFon.

Agora são necessários apenas três a cinco dias para recriar Willis em projetos, mas que tiveram o seu direito de imagem aprovado no final sobre aquilo que foi criado.

"Eu gostei da precisão com que meu personagem se mostrou. É um mini-movie no meu gênero habitual de ação-comédia" disse o ex-aprendiz de Duro de Matar em uma declaração em seu site.

Para mim, é uma grande oportunidade de voltar no tempo. Com o advento da tecnologia moderna, mesmo estando em outro continente, pude me comunicar, trabalhar e participar das filmagens. É uma experiência muito nova e interessante, e agradeço a toda a nossa equipe."

Os produtores de Star Wars usam a tecnologia deepfake para todos os membros do elenco e celebridades como Arnold Schwarzenegger, Jim Carrey e Michelle Pfeiffer supostamente têm cópias digitais.

Bruce - que acumulou mais de US$ 9,4 bilhões em todo com os seus filmes - tem mais três thrillers de ação concluídos que filmou no ano passado antes de seu diagnóstico de afasia e posterior aposentadoria.

Afasia é uma incapacidade de compreender ou formular a linguagem devido a danos em regiões específicas do cérebro devido a acidente vascular cerebral, traumatismo craniano, tumor cerebral, infecção cerebral ou doença neurodegenerativa.

Willis interpreta o veterano detetive James Knight no thriller de ação de Edward Drake em Los Angeles, Detective Knight: Rogue, que chegará aos cinemas americanos em 21 de outubro.

O indicado ao Independent Spirit Award vai estrelar ao lado de Mustafa Shakir na estreia na direção de Jesse Atlas, Die Like Lovers, que é baseado em seu curta-metragem de 15 minutos Let Them Die Like Lovers de 2017. 

O filme de tema militar com luta corpo a corpo apresenta Dominic Purcell e Nomzamo Mbatha. 

Bruce (nome de nascimento, Walter) também voltou a trabalhar com John Travolta - sua co-estrela em Pulp Fiction e nos filmes Look Who's Talking - para o thriller de ação de Chuck Russell no Havaí, Paradise City.

Bruce e eu nos tornamos bons amigos quando compartilhamos dois de nossos maiores sucessos juntos”, escreveu o indicado ao Oscar de 68 anos em 31 de março.

"Anos depois, ele me disse: 'John, eu só quero que você saiba que quando algo bom acontece com você, eu sinto que está acontecendo comigo'. Essa é a alma generosa que ele é. Eu te amo Bruce".

Alguns dos ex-colegas de trabalho de Willis disseram ao Los Angeles Times em março que ele estava lutando no set há anos.

Artigos recomendados: DPF e IA


Fonte:https://www.dailymail.co.uk/tvshowbiz/article-11255229/Bruce-Willis-appear-movies-selling-digital-twin-Deepcake-aphasia.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...