30 de mai de 2018

Escócia - “deixe as crianças mudarem de sexo sem o consentimento dos pais”, diz o Comissário para a política das Crianças Escocesas




Instituto Cristão, 30 de maio de 2018. 



Crianças de até doze anos devem ter permissão para mudar de sexo legal em sua certidão de nascimento, disse o comissário infantil da Escócia. 

Bruce Adamson também disse que eles devem tomar a decisão de mudar a sua vida sem a aprovação dos pais. 

Os comentários foram feitos quando o governo escocês considera a liberalização da lei para tornar mais fácil para as pessoas transexuais “mudar de sexo”. 


Autodeclaração. 

Sua consulta sobre os planos radicais foi encerrada em março e atualmente está analisando as respostas. 

As propostas incluem a introdução de um sistema que permita às pessoas mudar legalmente de sexo por meio de “autodeclaração” e reduzir a idade mínima para fazê-lo a apenas 16 anos. 

Adamson, um ex-advogado e especialista em direito da família, afirmou que negar às crianças o direito de mudar legalmente o sexo poderia violar a Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança. 

No entanto, a Faculdade de advogados disse que uma criança pode ser indevidamente influenciada por uma única pessoa, referenciando um caso na Inglaterra de um menino que foi forçado a viver como uma menina por sua mãe. 

Dever de cuidar. 

Stephanie Davies-Arai, do grupo de pais Transgender Trend, disse que os comentários de Adamson revelam “uma completa falta de compreensão” das pressões “sobre todos os adolescentes que não estão em conformidade agora para se identificarem como transgêneros”. 

Ela acrescentou: “Esta resposta é uma falha no dever de cuidado”. 

A Igreja Livre da Escócia também sinalizou sua posição a essa medida, declarando-a irresponsável acrescentando que isso causaria sofrimento às famílias e confusão para os adolescentes. 

Grandes danos. 

O vice-diretor para Assuntos Públicos do Instituto, Simon Calvert, advertiu que os planos colocam pessoas jovens e vulneráveis em risco. 

Ele disse: “Cada vez mais, os jovens estão expressando profundo pesar pelos danos causados à sua saúde física e mental, por serem empurrados para terapias hormonais e mutilação cirúrgica".

Tornar mais fácil mudar o sexo através de autoidentificação e remover os pais do caminho é a receita para danos ainda maiores”. 

Artigos recomendados: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...