30 de jul de 2016

Clérigo afegão de 60 anos preso por casar com criança de 6 anos - cultura muçulmana afegã





DN, 30 de julho de 2016. 




Mohammad Karim diz que o casamento foi presenciado por 30 a 40 pessoas, incluindo os pais da criança

Um clérigo afegão foi preso na quarta-feira por se casar com uma criança de seis anos. Os pais da menina alegam que esta foi raptada em junho, mas o homem diz que foi uma "oferenda religiosa" dos pais

Mohammad Karim, que diz ter 60 anos, foi preso na província de Ghor, no centro do país. O clérigo muçulmano diz que o casamento foi presenciado por 30 a 40 pessoas, incluindo os pais da criança, a garante que o casamento não foi consumado.

A criança está num abrigo de Ghor e os pais a caminho da região, afirmou o gabinete do governo local, sendo que a polícia continua a investigar para determinar o que realmente se passou.

Os casamentos de crianças são ilegais mas muito frequentes no país. A idade mínima para o casamento é de 16 anos, mas a iniciativa "Girls Not Brides" estima que uma em cada nova adolescentes esteja casada antes dos 15. Além disso, a gravidez e as complicações do parto estão entre as principais causas de morte em raparigas entre os 15 e 19 anos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário